A Sensibilidade dos Animais as energias dos ambientes

in Temas by on janeiro 29th, 20131 Comentario

1) Os animais são realmente mais sensíveis às energias do ambiente do que nós? Por que isso ocorre?

Resposta: Sim, eles são realmente mais sensíveis às energias ambientais.
Isso ocorre porque a sensibilidade dos animais supera a do próprio ser humano. Eles estão mais ligados aos ciclos da natureza e consequentemente, às suas variações energéticas, talvez, até mesmo por puro instinto.
E como eles

se baseiam mais nos sentidos do que na mente consciente (caso do ser humano, com sua mente cheia de neuroses, culpas, medos e bloqueios psíquicos variados), isso favorece sua percepção em relação ao meio ambiente energético.

2) Eles percebem as energias sutis por meio das patinhas (caso de gatos e cães)?

Resposta: No caso dos felinos, lobos e cães, isso é verdade. A coluna deles está posicionada na horizontal (diferente da coluna do ser humano, que está na vertical) e por isso, capta mais energias de cima, do espaço e de outros planos. Eles se apoiam nas patas e sentem muitas coisas por intermédio delas. Além disso, eles também possuem centros energéticos (pequenos chacras) no centro das patas e captam energias por elas.

Uma pessoa que ama muito seus animais pode fazer afirmações positivas ao acariciá-los, falando: você é feliz, você é saudável.
A presença de um ser humano sadio perto dos animais acelera a evolução deles, pela própria relação afetiva que se forma; e, em contrapartida, também acelera a evolução do ser humano, que aprende muito com esses parceirinhos de jornada, principalmente na questão do amor incondicional deles.
Resumindo: quando há amor, a relação é boa para ambos!

(Entrevista Sobre a Sensibilidade dos Animais)
Por Wagner Borges
Adaptado por: Tamara Lobato Luperi1) Os animais são realmente mais sensíveis às energias do ambiente do que nós? Por que isso ocorre?

Resposta: Sim, eles são realmente mais sensíveis às energias ambientais.
Isso ocorre porque a sensibilidade dos animais supera a do próprio ser humano. Eles estão mais ligados aos ciclos da natureza e consequentemente, às suas variações energéticas, talvez, até mesmo por puro instinto.
E como eles se baseiam mais nos sentidos do que na mente consciente (caso do ser humano, com sua mente cheia de neuroses, culpas, medos e bloqueios psíquicos variados), isso favorece sua percepção em relação ao meio ambiente energético.

2) Eles percebem as energias sutis por meio das patinhas (caso de gatos e cães)?

Resposta: No caso dos felinos, lobos e cães, isso é verdade. A coluna deles está posicionada na horizontal (diferente da coluna do ser humano, que está na vertical) e por isso, capta mais energias de cima, do espaço e de outros planos. Eles se apoiam nas patas e sentem muitas coisas por intermédio delas. Além disso, eles também possuem centros energéticos (pequenos chacras) no centro das patas e captam energias por elas.

Uma pessoa que ama muito seus animais pode fazer afirmações positivas ao acariciá-los, falando: você é feliz, você é saudável.
A presença de um ser humano sadio perto dos animais acelera a evolução deles, pela própria relação afetiva que se forma; e, em contrapartida, também acelera a evolução do ser humano, que aprende muito com esses parceirinhos de jornada, principalmente na questão do amor incondicional deles.
Resumindo: quando há amor, a relação é boa para ambos!

(Entrevista Sobre a Sensibilidade dos Animais)
Por Wagner Borges
Adaptado por: Tamara Lobato Luperi

Fonte: http://lambidasamigas.wordpress.com/os-animais-sao-realmente-mais-sensiveis-as-energias-do-ambiente-do-que-nos-por-que-isso-ocorre/

Sobre o autor

Responses to “A Sensibilidade dos Animais as energias dos ambientes”

Comente este conteudo